Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

Google+ Followers

segunda-feira, 31 de agosto de 2009

suspeito de pedofilia vai ser juiz

há muito que todos nos consciencializámos que o processo relativo á Pedofilia tendia a morrer, um ano depois muitas foram as vozes a dizer que quem ainda acabava preso eram as crianças, e EIS.......QUE É MESMO ISSO QUE VAI ACONTECER NÃO TARDA.
A impunidade com que se movem é um ultraje!!!! Façamos um movimento nacional.
Corruptos e pedófilos é o que está a dar!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Escandaloso: HUGO MARÇAL... JUÍZ...!!!
Digam-me que isto é mentira!!!!!
Hugo Marçal... JUÍZ!!!!
Este processo das crianças violadas vai mesmo ficar em "águas de bacalhau".
É incrível a passividade do povo português face a este escândalo da
pedofilia.
Tem que se fazer justiça!
Façam fwd do mail !!!!
"Hugo Marçal está em vias de ser admitido a frequentar o curso de auditor de
justiça do Centro de Estudos Judiciários.
O nome do arguido no processo de pedofilia da Casa Pia vem publicado no Diário da República de ontem, entre centenas de candidatos a frequentar a escola que forma os juízes portugueses.
Mas ao contrário dos outros, Hugo Marçal não vai prestar provas....
Pelo facto de ser doutor em Direito - grau académico que terá obtido em Espanha - está por lei «isento da fase escrita e oral» e tem ainda «preferência sobre os restantes candidatos».
Resultado: o advogado de Elvas está na prática à beira de ser seleccionado para o curso que formará a próxima geração de magistrados! O nome de Hugo Manuel S. Marçal surge na página 4961 do Diário da República, 2.ª série, com o número 802,na lista de candidatos a ingressar no CEJ.
Se concluir o curso com aproveitamento e iniciar uma carreira nos tribunais - primeiro como auditor de justiça,depois... Como juiz de direito - *Marçal terá também o privilégio de não ser julgado num tribunal de primeira instância*.»

AH, POIS É!!!
É O PAÍS QUE TEMOS!!!

sábado, 29 de agosto de 2009

RICOS

POBRES DOS NOSSOS RICOS*

*A maior desgraça de uma nação pobre é que em vez de produzir
riqueza, produz ricos. Mas ricos sem riqueza. Na realidade, melhor
seria chamá-los não de ricos mas de endinheirados. Rico é quem
possui meios de produção. Rico é quem gera dinheiro e dá emprego.
Endinheirado é quem simplesmente tem dinheiro. Ou que pensa que
tem. Porque, na realidade, o dinheiro é que o tem a ele.*
*A verdade é esta: são demasiados pobres os nossos "ricos". Aquilo
que têm, não detêm. Pior: aquilo que exibem como seu, é
propriedade de outros. É produto de roubo e de negociatas. Não
podem, porém, estes nossos endinheirados usufruir em tranquilidade
de tudo quanto roubaram. Vivem na obsessão de poderem ser
roubados. Necessitavam de forças policiais à altura. Mas forças
policiais à altura acabariam por lançá-los a eles próprios na
cadeia. Necessitavam de uma ordem social em que houvesse poucas
razões para a criminalidade. Mas se eles enriqueceram foi graças a
essa mesma desordem (...)*
MIA COUTO

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

QUE MAIS NOS HÁ-DE ACONTECER'

Agora até o administrador do Supremo Tribunal está acusado de se ter locupletado com mais umas centenas de milhar de euros.
Acho que PORTUGAL pode candidatar-se aoi Guiness como o país mais corrupto da Europa... e mesmo a nivel mundial não devemos estar mal colocados...

terça-feira, 25 de agosto de 2009

SÓCRATESVISTO POR ANTÓNIO BARRETO

António Barreto descreve o perfil do actual Primeiro-Ministro.
'Sócrates, o ditador' por António Barreto
Único senhor a bordo tem um mestre e uma inspiração.
Com Guterres, o primeiro-ministro aprendeu a ambição pessoal, mas, contra ele, percebeu que a indecisão pode ser fatal, ao ponto de, com zelo, se exceder.
Prefere decidir mal, mas rapidamente, do que adiar para estudar.
Em Cavaco, colheu o desdém pelo seu partido.
Com os dois e com a sua própria intuição autoritária, compreendeu que se pode governar sem políticos.

Onde estão os políticos socialistas ?

Aqueles que conhecemos, cujas ideias pesaram alguma coisa e que são responsáveis pelo seu passado?
Uns saneados, outros afastados.
Uns reformaram-se da política, outros foram encostados.
Uns foram promovidos ao céu, outros mudaram de profissão.
Uns foram viajar, outros ganhar dinheiro.
Uns desapareceram sem deixar vestígios, outros estão empregados nas empresas que dependem do Governo.
Manuel Alegre resiste, mas já não conta.
Medeiros Ferreira ensina e escreve.
Jaime Gama preside sem poderes.
João Cravinho emigrou.
Jorge Coelho está a milhas de distância e vai dizendo, sem convicção, que o socialismo ainda existe.
António Vitorino, eterno desejado, exerce a sua profissão.
Almeida Santos justifica tudo.
Freitas do Amaral, "ofereceu-se, vendeu-se" e reformou-se !
Alberto Martins apagou-se.
Mário Soares ocupa-se da globalização.
Carlos César limitou-se definitivamente aos Açores.
João Soares espera.
Helena Roseta foi à sua vida independente.
Os grandes autarcas do partido estão reduzidos à insignificância.
O Grupo Parlamentar parece um jardim-escola sedado.
Os sindicalistas quase não existem.
O actual pensamento dos socialistas resume-se a uma lengalenga pragmática, justificativa e repetitiva sobre a inevitabilidade do governo e da luta contra o défice.
O ideário contemporâneo dos socialistas portugueses é mais silencioso do que a meditação budista.

Ainda por cima, Sócrates percebeu depressa que nunca o sentimento público esteve, como hoje, tão adverso e tão farto da política e dos políticos. Sem hesitar, apanhou a onda.

Desengane-se quem pensa que as gafes dos ministros incomodam Sócrates.
Não mais do que picadas de mosquito. As gafes entretêm a opinião, mobilizam a imprensa, distraem a oposição e ocupam o Parlamento.
Mas nada de essencial está em causa.

Os disparates de Manuel Pinho fazem rir toda a gente.
As tontarias e a prestidigitação estatística de Mário Lino são pura diversão.
Não se pense que a irrelevância da maior parte dos ministros, que nada têm a dizer para além dos seus assuntos técnicos, perturba o primeiro-ministro.
É assim que ele os quer, como se fossem directores-gerais.

Só o problema da Universidade Independente e dos seus diplomas o incomodou realmente.
Mas tratava-se, politicamente, de uma questão menor.
Percebeu que as suas fragilidades podiam ser expostas e que nem tudo estava sob controlo. Mas nada de semelhante se repetirá.

O estilo de Sócrates consolida-se. Autoritário, Crispado, Despótico, Irritado, Enervado, Detestando ser contrariado.
Não admite perguntas que não estavam previstas ou antes combinadas.
Pretende saber, sobre as pessoas, o que há para saber.
Tem os seus sermões preparados todos os dias.
Só ele faz política, ajudado por uma máquina poderosa de recolha de informações, de manipulação da imprensa, de propaganda e de encenação.
O verdadeiro Sócrates está presente nos novos bilhetes de identidade, nas tentativas de Augusto Santos Silva de tutelar a imprensa livre, na teimosia descabelada de Mário Lino, na concentração das polícias sob seu mando e no processo que o Ministério da Educação abriu contra um funcionário que se exprimiu em privado.
O estilo de Sócrates está vivo, por inteiro, no ambiente que se vive, feito já de medo e apreensão.
A austeridade administrativa e orçamental ameaça a tranquilidade de cidadãos que sentem que a sua liberdade de expressão pode ser onerosa.
A imprensa sabe o que tem de pagar para aceder à informação.
As empresas conhecem as iras do Governo e fazem as contas ao que têm de fazer para ter acesso aos fundos e às autorizações.
Sem partido que o incomode, sem ministros politicamente competentes e sem oposição à altura, Sócrates trata de si.
Rodeado de adjuntos dispostos a tudo e com a benevolência de alguns interesses económicos, Sócrates governa.
Com uma maioria dócil, uma oposição desorientada e um rol de secretários de Estado zelosos, ocupa eficientemente, como nunca nas últimas décadas, a Administração Pública e os cargos dirigentes do Estado.
Nomeia e saneia a bel-prazer.

Há quem diga que o vamos ter durante mais uns anos.

É possível.

Mas não é boa notícia.
É sinal da impotência da oposição.
De incompetência da sociedade.
De fraqueza das organizações.
E da falta de carinho dos portugueses pela liberdade.

FUTEBOL

TERÁ A VER COM FUTEBOL? COM INCOMPETÊNCIA? COM CORRUPÇÃO?
Seja como que for... são mais umas em quem se lixa é o Zé Povinho.
José Veiga ...um ex-dirigente benfiquista e empresário de futebol foi condenado a pagar 8 milhões de euros ao fisco( ele e uma sua empresa). Mas o fisco deixou prescrever os prazos...e ele "coitadinho" ,..agora não tem por onde pagar ..é pobrezinho.
Sá Linhares... tambem im ex-dirigente desportivo, este do Salgueiros, clube que ele conseguiu afundar foi tambem condenado a indemnizar o Estado em dois milhões de euros.. Mas houve um erro processual..e o julgamento vai ser repetido.
Apostamos em como se ele for condenado...tambem já "faliu" e não paga nada...
LEITOR--- nÃO SE PREOCUPE..SE VC DEVER 200 EUROS..PAGA MESMO O FISCO NÃO LHE PERDOA.
haja justiça..
PORQUE NASCI EM PORTUGAL'

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Artigo de Mário Crespo

Não Diferenças
00h30m
Assistir ao duríssimo questionamento da comissão de inquérito senatorial nos Estados Unidos para a nomeação da juíza Sónia Sottomayor para o Supremo Tribunal é ver um magnífico exercício de cidadania avançada. Não temos em Portugal nada que se lhe compare. Se os nossos parlamentares tivessem a independência dos congressistas americanos, Cavaco Silva nunca teria sido presidente, Sócrates primeiro-ministro, Dias Loureiro Conselheiro de Estado, Lopes da Mota representante de Portugal ou Alberto Costa ministro da Justiça. O impiedoso exame de comportamentos, curricula e carácter teria posto um fim às respectivas carreiras públicas antes delas poderem causar danos.
Se a Assembleia da República tivesse a força política do Senado, os negócios do cidadão Aníbal Cavaco Silva e família, com as acções do grupo do BPN, por legais que fossem, levantariam questões éticas que impediriam o exercício de um cargo público. Se o Parlamento em Portugal tivesse a vitalidade democrática da Câmara dos Representantes, o acidentado percurso universitário de José Sócrates teria feito abortar a carreira política. Não por insuficiência de qualificação académica, que essa é irrelevante, mas pelo facilitismo de actuação, esse sim, definidor de carácter.
Do mesmo modo, uma Comissão de Negócios Estrangeiros no Senado nunca aprovaria Lopes da Mota para um cargo em que representasse todo o país num órgão estrangeiro, por causa das reservas que se levantaram com o seu comportamento em Felgueiras, que denotou a falta de entendimento do procurador do que é político e do que é justiça. Também por isto, numa audição da Comissão Judicial do Senado, Alberto Costa, com os seus antecedentes em Macau no caso Emaudio, nunca teria conseguido ser ministro da Justiça, por pura e simplesmente não inspirar confiança ao Estado.
Assim, se houvesse um Congresso como nos Estados Unidos, com o seu papel fiscalizador da vida pública, por muito forte que fosse a cumplicidade dos afectos entre Dias Loureiro e Cavaco Silva, o executivo da Sociedade Lusa de Negócios nunca teria sido conselheiro presidencial, porque o presidente teria tido medo das cargas que uma tal nomeação inevitavelmente acarretaria num sistema político mais transparente. Mas nem Cavaco teve medo, nem Sócrates se inibiu de ir buscar diplomas a uma universidade que, se não tivesse sido fechada, provavelmente já lhe teria dado um doutoramento, nem Dias Loureiro contou tudo o que sabia aos parlamentares, nem Lopes da Mota achou mal tentar forçar o sistema judicial a proteger o camarada primeiro-ministro, nem Alberto Costa se sentiu impedido de ser o administrador da justiça nacional em nome do Estado lá porque tinha sido considerado culpado de pressionar um juiz em Macau num caso de promiscuidade política e financeira. Nenhum destes actores do nosso quotidiano tinha passado nas audições para o casting de papéis relevantes na vida pública nos Estados Unidos. Aqui nem se franziram sobrolhos nem houve interrogações. Não houve ninguém para fazer perguntas a tempo e, pior ainda, não houve sequer medo ou pudor que elas pudessem ser feitas. É que essa cidadania avançada que regula a democracia americana ainda não chegou cá.

deixe de ler..

domingo, 23 de agosto de 2009

CONTINUANDO...NÃO..JÁ NÃO NOS ENGANAM

Direcção do PS tenta fazer pazes com os professores
Membro da direcção do PS critica "atitude hostil" da ministra e advoga "nova forma de relacionamento" do ministério com os professores.»
Esta não-notícia (porque nada acrescenta) é um resumo de um artigo de opinião publicado no Expresso de ontem (comentado aqui). O próprio Expresso inseriu duas referências ao artigo de Perestrello: uma chamada na capa, um sumário alargado, além do próprio artigo. Com o texto de hoje no, segundo Sócrates, bem comportado DN, está delineada a campanha de aproximação do PS aos professores. Vamos ver os próximos passos.

Não deixa de me surpreender, no entanto, o lado naïfe da iniciativa - ou será desespero? - por o PS achar que isto lhe trará votos na classe docente. Lurdes Rodrigues disse a meio do mandato ter perdido os professores mas que ganhara a opinião pública. É possível que esta última, sempre de memória curta, se esteja pouco importando para o ME e, afinal, os votos dos professores fazem falta. Mas depois de quatro anos a serem tratados como malfeitores, continuamente lançando notícias para ganhar a «opinião pública» pela política da inveja, duvido que os professores vão em desculpas de Judas.

sábado, 22 de agosto de 2009

Sócrates e a TV

Ò Sócrates..tu que até tens uma grande "lata" a falar..porque tens medo de debater com os outros candidatos.?..só queres uns debatesinhos em família coma Manuela...
Olha..que a eleição não é só entre ti e ela... desta vez não vais ter a maioria absoluta( terás a relativa?) com que enganaste os portugueses 4 anos.
Tu ou ela... vão ter que conversar com os partidos da oposição..acabou-se essa tua ditadurazinha...
Trata de conversar ..trata de deixar os portugueses conhecer os programas dos outros..que o teu já conhecemos de ginjeira e foi o que se viu...

QUE TRISTEZA

A ENTREVISTA DE MANUELA FERREIRA LEITE...FOI UMA TOTAL DESILUSÃO MESMO PARA OS VOTANTES DO P.S.D. ( O QUE NÃO É O MEU CASO..FELIZMENTE)
Mas seria de esoperar uma idéia...ao menos uma..quer dizer houve uma...a única do seu programa..que iria repôr os certificados de aforro como anteriormente. No resto..disse que o seu programa não precisava de ser publicado pois há um ano que ele é conhecido ( quem conhece..quem?)
Sobre o ensino nem uma palavra...qual a sua posição sobre o famigerado Estatuto da Carreira Docente? Quem quiser que adivinhe....
Protecção aos acusados da justiça...? Não..de maneira nenhuma..tem alguns nas listas de candidatos..mas ..coitada..quem é ela para julgar?
Bom.. de Sócrtates a Manuela... o DIABO que leve a escolha...
Não há outras alternativas?

TOTAL FALTA DE VERGONHA

A QUE MAIS TEREMOS DE ASSISTIR?




No Expresso de hoje vem esta pérola: «Marcos Perestrello acusa a ministra da Educação de obstinação e de ter tido uma “atitude hostil” para com os professores». O que se faz por um lugar numa câmara municipal! Durante semanas era ouvi-lo na TV, semanalmente, a defender a sua dama, com a agressividade que lhe é característica. Afinal era tudo fingido. Ou então é agora que aproveita para compor o ramalhete. Gelatina deve ser o prato forte da campanha eleitoral.

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

O PARAÍSO A CHEGAR




os professores que vejam bem o paraíso que lhes estão a preparar

O PAULINHO DAS FEIRAS E NÃO SÓ

quarta-feira, 19 de agosto de 2009

BOA PUBLICIDADE


«Mención especial merecen los carteles de Ferreira Leite que jalonan las carreteras portuguesas. "Não desista. Todos somos precisos", reza. Pero la desolada foto en blanco y negro de la candidata, sin maquillar, podría hacer pensar a los turistas que visitan el Algarve que se trata del mensaje de una asociación de apoyo a la tercera edad o de prevención del suicidio.»
Jordi Joan, La Vanguardia

FACTOS

O senhor Presidente parece que anda a suspeitar que o governo anda a escutar os seus assessores.
Mais um fait-divers para nos afastar do que realmente interessa.
E..olhemos as noticias de hoje, por exemplo.
Uma jovem de 17 anos foi violada... para ser analizada por um médico do Instituto de Medicina Legal(n indispensável para o seguimento do processo contra o seu agressor) esteve 12 horas no Hospital sem sequer poder beber água..porque os médicos de noite e..sobretudo em Agosto..não se deslocam ..era o que faltava incomodarem-se.
E..ao menos teve apoio psicológico? O que é isso?
V´´a lá continuem a dar-nos´"música" sobre a gripe..para entreter o Zé Povinho...

O SENHOR PRESIDENTE

O senhor Presidente anda às turras com o governo...birrinhas sobre alguns poderes que lhe iriam ser ou não retirados( exemplo..Estatuto dos Açores).
Mas o senhor Presidente que não promulga qualquer diploma de que não goste, promulgou segundo o Ministério da Educação, o tal estatuto dito simplex da carreira docente, contra o qual toda a classe de professores se revoltou.
Critérios...

segunda-feira, 17 de agosto de 2009

SÓ OS PROFESSORES´`E QUE SÃO AVALIADOS?

COPIADO DO BLOGUE "FLISCORNO"



Segundo o relatório anual do Conselho Superior da Magistratura, há umas semanas divulgado, dos 1932 juízes em funções, apenas foram avaliados/inspeccionados 259. Aparentemente, está tudo normal. Pelos vistos, ninguém achou estranho que 87% das pessoas de quem a democracia depende para o seu regular funcionamento não tenham sido avaliadas.
(...)
Também ninguém parece ter achado, no mínimo, curioso que dos inspeccionados apenas um tenha sido considerado medíocre e que 237 de 258 sejam bons ou muito bons.» Pedro Marques Lopes, 16.08.2009, «Somos todos bons»IADO DO BLOGUE" fLISCORNO"

domingo, 16 de agosto de 2009

MAIS UMA

Os jornais de hoje informam que o Estado pagou a arquitectos mais de 20 MILHÕES DE EUROS sem qualquer concurso em projectos de arquitectura para recuperação do parque escolar.
Socorreu-se para o efeito de dois diplomas , um que permite a não divulgação dos concursos e outro que permite comprar mais caro.
Isto, claro em situações excepcionais que o estado reduziu a normais.
Porque será que isto não me admira?

sábado, 15 de agosto de 2009

Dados estatísticos

Alguns dados estatísticos..dizem-nos que há alguma recuperação da economia portuguesa.
Seria causa para saudar..se...outos dados não nos dissesse, que o desemprego continua a subir a ritmo assustador.
Fenómeno só português? Claro que não.
Mas em grande parte português mesmo e da responsbilidade de quem nos tem governado.
Será que os grandes grupos da economia e das finanças que continuam a acumulra lucros gigantescos não teêm nada a ver com isto?
Será que o não aumento dos salários de quem ainda trabalha não implica que essas pessoas gastem cada vez menos..e gastando menos ( até porque não podem) não dão escoamento aos produtos...e, como tal obrigam a diminuir a produçaão, aumentando o desemprego?
Será que a desmotivação dos professores causada por um Estatuto de Carreira Docente iníquo não contribui para uma educação cada vez mais degradada ?
Será que o terem acabado com o direito à reforma por inteiro aos 65 anos não é uma medida altamente penalizaora de quem trabalha?

Será que o cada vez maior tempo de espera nos hospitais e centros de saúde públicos não são mais um incentivo aos grandes grupos económicos que operam na saúde em prejuizo de quem não pode pagar consultas e tratamentos a preços proibiticvos?
Bem nos podem fazer apelos á mobilização. O Povo está descrente...o Povo sabe que destas políticas PS/PSD só advirá o advento das suas dificuldades.
As próximas eleições são uma oportunidade..aproveitemo-la.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

T.A.P.

MAIS UMA...
Agora é a T.A.P.
No ano passado centenas de milhares de euros de prejuizo...
Claro que não há dinheiro para aumentar os trabalhadores. Lógico.
Mas os administradores que tão "bons resultados " conseguiram vão ser aumentados em média para o DOBRO.
Os automóveis com 4 anos..já velhinhos coitados... foram abatidos e substituídos por novos carros de luxo.
É fartar vilanagem...
POPRQUE NASCI PORTUGUUES?

terça-feira, 11 de agosto de 2009

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

RAUL SOLNADO


HOJE NÃOESCREVEMOS NADA SOBRE POLÍTICA.
HOJE PRESTAMOS APENAS A NOSSA HOMENAGEM A RAUL SOLNADO...
RAUL SOLNADO...UM ARTISTA QUE NUNCA SE VENDEU...RAUL SOLNADO QUE NOS VELHOS TEMPOS DO ZIP-ZIP FAZIA COM QUE AS AUDIÊNCIAS ATINGISSEM UM RITMO NUNCA ANTES VISTO.
À CUSTA DE IMBECILIDADES COMO ALGUMAS QUE HOJE VEMOS?
NÃO..RAUL SOLNADO APELAVA À INTELIGÊNCIA DO TELEESPECTADOR...
RAUL SOLNADO E OS SEUS COMPANHEIROS DO ZIP-ZIP FIZERAM TREMER OS ESBIRROS DO REGIME MARCELISTA...
MAIS TARDE RAUL SOLNADO CONTINUOU SEMPRE FIEL A SI PRÓPRIO.
INTERPRETAÇÕES COMO A DE "ONDE ESTÁ A GUERRA!"? FICARÃO PARA SEMPRE NA NSSA MEMÓRIA.
RAUL SOLNADO MORREU..RAUL SOLNADO VIVE NAS NOSSAS RECORDAÇÕES
QUE O SEU EXEMPLO POSSA SERVIR ÁS NOVAS GERAÇÕES DE ARTISTAS.

sábado, 8 de agosto de 2009

ESTÁ TUDO DOIDO?

TODOS OS ANOS MORREM DEZENAS OU CENTENAS DE PESSOAS COM GRIPE8 A CHAMADA GRIPE NORMAL) EM PORTUGAL.
NÃO MERECEM MAIS QUE UMAS LINHAS..QUANDO MERECEM..NUM JORNAL.
AGORA...NÃO SE FALA NOUTRA COISA... QUE NÃO SEJA NESTA GRIPE a...SUÍNA..OU SEJA LÁ O QUE FOR...
UMA OU DUAS PESSOAS DOENTES COM ALGUMA GRAVIDADE ENCHEM PÁGINAS DE JORNAIS, ABREM NOTICIÁRIOS DE TV....
E NÃO HÁ MAIS NADA A FAZER QUE NÃO SEJA TENTAR CRIAR UM CLIMA DE PÃNICO NO PAÍS?
SENHORES JORNALISTAS...TENHAM TENTO NA CABEÇA..NÃO PENSEM APENAS EM VENDER JORNAIS OU AUMENTAR AS AUDIÊNCIAS TELEVISIVAS.

GUERRAS DO ALECRIM E MANJERONA.

Com tanta coisa importante o dr. Cavaco e o engº Sócrates estão preocupados com a substituição dum elemento do chamado Conselho de Ética da Medicina.
Os portugueses querem é os seus problemas económicos e de atraso em relação à Europa resolvidos...estão-se marimbando, é o termo, para essas guerrinhas de personalidades que nada adiantam à sua vida.

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

PARA RIR OU CHORAR


Posto GNR Armação de Pêra...

SÓ FALTAVA ESTA!
O Ministério de Administração Interna deste Governo manda instalar sistemas de segurança de empresas privadas para proteger instalações das forças policiais!!!...

Até parece um ' apanhado ‘, mas não é!

Isto passa-se em Portugal; não numa República das Bananas!...

VOTO ÚTIL

Voto útil


VOTO ÚTIL

• Cada vez que há eleições alguns partidos começam a falar no chamado” voto útil”, pretendendo significar que “eles” é que são “grandes” e que o voto nos “outros” é puro desperdício;
• Nas próximas eleições legislativas há já quem comece a dizer que se vai escolher um primeiro ministro e que, por isso, as escolhas se devem resumir a duas.:
• Porém..não é verdade.
Vamos escolher 240 deputados e será entre eles que se vão formar maiorias que através de coligação ou de acordos pontuais permitirão uma solução governativa.
• Haverá partidos que não conseguirão eleger nenhum deputado. O voto nesses partidos não será nunca inútil porque marca uma posição do eleitor. Mas não terá influência na formação do novo Governo.
• Mas há cinco partidos ou coligações( PP. PSD, PS, BE e CDU) que tudo indica, irão eleger representantes no novo Parlamento.
• A não haver nenhuma maioria absoluta( hipótese que parece totalmente afastada) será entre esses cinco partidos que se encontrará a fórmula maioritária que dará apoio ao novo Governo.
• Teoricamente até seria possível que o Partido mais votado não indicasse o primeiro ministro. Foi por exemplo o caso de Israel, onde o partido mais votado não conseguiu encontrar apoio junto dos outros e foi o segundo partido em votação que indicou o tal primeiro ministro, governando em coligação com outras forças representadas no Parlamento.
• Por isso..caro leitor… vote em consciência… O SEU VOTO VAI CONTAR VOTE EM QUEM VOTAR.

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

MAIS UNS QUE OUTROS

TEM ESTE GOVERNO ANDADO A APREGOAR QUE A REFORMA DA FUNÇÃO PÚBLICA, INCLUINDO A DOS PROFESSORES, PASSA POR RIGOROSOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO QUE SÓ PERMITAM SUBIDA AOS MELHORES....
AFINAL VIEMOS AGORA A SABER QUE ESTA REGRA É PARAA GENERALIDADE DOS FUNCIONÁRIOS...MAS NÃO PARA OS "CHEFES" QUE TIVERAM NOMEAÇÃO POLÍTICA E QUE ...ESSES SIM, ESTÃO LIVRES DESSDES PEQUENOS PORMENORES.
É OU NÃO DE "FARTAR VILANAGEM ???? "
e vamos votar neles?

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

P.S.D.

Em princípio pouco nos importa as lutas internas do P.S.D.
Apenas temos todo o interesse em que não haja novas maiorias absolutas em Portugal, sejam elas de que partido forem.
Mas a escolha das listas do dito partido, dão-nos larga matéria para reflexão.
A sua lider( recordemo-nos a sua frase de há uns meses em que se propôs "suspender a democracia") confirmou que a senhora é uma ditadora...
Afastou das listas um seu companheiro de partido e que perdeu a eleição com ela para secretário geral por pequena diferença...afastou-o simplesmente por não querer ninguém que lhe possa fazer sombra na direcção partidária e mais do que isso incluiu nas listas dois candidatos acusados de corrupção e com processos em tribunal...
Será difícil concluir que se ela tivesse poderes para isso..FARIA DE PORTUGAL UMA DITADURA E NADA FARIA CONTRA A CORRUPÇÃO..?
Há um "Diz-me com quem andas..dir-te-ei quem és"

P.S.D.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

NA CHINA HOUVE O "BANDO DOS QUATRO"






E EM PORTUGAL?

A ORDEM DOS FACTORES É ARBITRÁRIA

A ELES DEVEMOS ESTE PORTUGAL EM QUE VIVEMOS

SCUT

Há algum tempo este Governo fartou-se de afirmar que algumas SCUTs(autoestradas virtuais) teriam de passar a ser pagas...
O país não suportava que fossemos todos a pagar a utilização das mesmas só por alguns..
Estes e outros argumentos...
Agora vem a secretária de estado dos transportes a dizer que nãoé bem assim..que talvez não seja preciso pagar, etc.
Fiem-se e votem neles...depois verão.
Claro que se votarem no PSD acontece o mesmo..esses virão dizer que o pagamento foi decidido pelo govermno anterior e que nada podem fazer.
PRESOS POR TER CÃO...PRESOS POR NÃO TER


MAS HÁ ALTERNATIVAS.

COMUNICADO

COMUNICADO DOS PROFESSORES DO DISTRITO DE VILA REAL
TRANSCREVEMOS COM MUITO GOSTO



Aproxima-se o momento de os professores do distrito de Vila Real, as suas famílias e todos os encarregados de educação, genuinamente preocupados com a instabilidade criada na escola pública e com o ataque à dignidade dos professores, tal como encetados por este Governo e esta maioria do PS, penalizarem eleitoralmente aqueles que sancionaram, no Governo e na Assembleia da República, as miseráveis políticas educativas de Sócrates e de Maria de Lurdes Rodrigues.
Entre os indefectíveis e convictos apoiantes dessas desastradas políticas educativas conta-se Pedro Silva Pereira, a personalidade que encabeça a lista de candidatos a deputados do PS pelo círculo de Vila Real.
Enquanto membro influente do Governo e homem de confiança de Sócrates, Pedro Silva Pereira é um cúmplice activo da vergonhosa e ignóbil divisão da carreira entre titulares e professores (o exemplo mais injusto de progressão arbitrária e automática dos professores, desde o 25 de Abril de 1974), da demonização mentirosa da situação e condição profissional dos docentes (com um orquestrada desacreditação pública da formação e da avaliação dos professores - todavia, bem mais exigentes e dignas se comparadas com as que o ME tentou agora implementar), do ataque prepotente e gratuito ao mérito e à dignidade dos professores, da pressão para o facilitismo (condenando a prazo gerações de jovens que agora, aparentemente, parecem favorecer) e, sobretudo, das tentativas de imposição de um modelo de avaliação absurdo que destabilizou inutilmente as escolas e que só a coragem e a determinação dos professores impediu que fosse ou seja implementado.
Como tal, este PS de Sócrates e, especificamente, este candidato, não merece a confiança, nem dos professores e suas famílias, nem dos encarregados de educação do distrito de Vila Real preocupados com a qualidade e o futuro da escola pública.
Nesta fase, os professores do distrito de Vila Real, outrora identificados com o PS, dispõem já de alternativas eleitorais, em função das suas sensibilidades, nos diferentes quadrantes políticos que já subscreveram o COMPROMISSO EDUCAÇÃO, os quais se disponibilizaram para, no quadro da próxima legislatura, revogarem, entre outras medidas, a divisão da carreira e a vigência e efeitos do actual modelo de avaliação.
Até às eleições legislativas, os movimentos independentes de professores, PROmova, APEDE e MUP, esperam que todos os partidos da oposição, à semelhança do que já ocorreu com o BE e com os candidatos a deputados da CDU pelo distrito de Vila Real, venham a subscrever o COMPROMISSO EDUCAÇÃO, afirmando-se como alternativa aos cidadãos e, especificamente, aos professores, que deixaram de se rever neste PS de Sócrates.
Os portugueses vão ter a inteligência para derrotarem eleitoralmente aqueles que, por arrogância e por incompetência técnica e política, tudo fizeram para denegrir a imagem dos professores, desqualificar o ensino público e instabilizar a escola.
PROmova,
PROFESSORES - Movimento de Valorização

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Tá bem...ò melga

Esta foi uma frase popular aí há uns tempos quando nos referíamos a alguém que nos queria enganar...
O dr .Marques Mendes na sua azáfama moralista( há quem diga que tem "rabos de palha") veio dizer que politicos com processos em tribunal ou acusados de corrupção não deviam ser candidatos...
A dra. Manuela o que havia de fazer perante isto..coitada...?
Disse logo que estava de acordo..mas agora não era o momento de pensar nisso..que estamos em altura de eleições.
Somos todos parvos ou quê..então não era nesta ocasião que se devia pensar nisto?
Ah..ah..
Quem já não se preocupa com isto é a D.Fátima Felgueiras, que, coitadinha foi inocentada de todas as acusções que uns maldosos lhe fizeram...
VOLTO A REPETIR O QUE ESCREVI HÁ DIAS:

"PORQUE É QUE NASCI EM PORTUGAL'"

domingo, 2 de agosto de 2009

ESTAMOS FRITOS


Se isto acontecve é que estamos mesmo f......

sábado, 1 de agosto de 2009

REALIDADES DE HOJE

IRONIA NO SEU MELHOR ESTILO
2000 pessoas contraem a gripe suína e todo mundo já quer usar máscara.
25 milhões de pessoas têm AIDS e ninguém quer usar preservativo...

PANDEMIA DE LUCRO

Que interesses econômicos se movem por detrás da gripe porquina???
No mundo, a cada ano morrem milhões de pessoas vitimas da Malária que se podia
prevenir com um simples mosquiteiro.

Os noticiários, disto nada falam!

No mundo, por ano morrem 2 milhões de crianças com diarréia que se poderia evitar
com um simples soro que custa 25 centavos.

Os noticiários disto nada falam!

Sarampo, pneumonia e enfermidades curáveis com vacinas baratas, provocam a morte de
10 milhões de pessoas a cada ano.
Os noticiários disto nada falam!

Mas há cerca de 10 anos, quando apareceu a famosa gripe das aves...
...os noticiários mundiais inundaram-se de noticias...

Uma epidemia, a mais perigosa de todas...Uma Pandemia!
Só se falava da terrífica enfermidade das aves.

Não obstante, a gripe das aves apenas causou a morte de 250 pessoas, em 10
anos....25 mortos por ano.

A gripe comum, mata por ano meio milhão de pessoas no mundo. Meio milhão contra 25.

Um momento, um momento. Então, por que se armou tanto escândalo com a gripe das aves?


Porque atrás desses frangos havia um "galo", um galo de crista grande.

A farmacêutica transnacional Roche com o seu famoso Tamiflu vendeu milhões de
doses aos países asiáticos.

Ainda que o Tamiflu seja de duvidosa eficácia, o governo britânico comprou 14
milhões de doses para prevenir a sua população.

Com a gripe das aves, a Roche e a Relenza, as duas maiores empresas farmacêuticas
que vendem os antivirais, obtiveram milhões de dólares de lucro.

-Antes com os frangos e agora com os porcos.

-Sim, agora começou a psicose da gripe suína. E todos os noticiários do mundo só
falam disso...

-Já não se fala da crise econômica nem dos torturados em Guantánamo....

-Só a gripe porcina, a gripe dos porcos...

-E eu pergunto-me: se atrás dos frangos havia um "galo"... atrás dos porcos... não
haverá um "grande porco"?

A empresa norte-americana Gilead Sciences tem a patente do Tamiflu. O principal
acionista desta empresa é nada menos que um personagem sinistro, Donald Rumsfeld,
secretário da defesa de George Bush, artífice da guerra contra Iraque...

Os acionistas das farmacêuticas Roche e Relenza estão esfregando as mãos, estão
felizes pelas suas vendas novamente milionárias com o duvidoso Tamiflu.

A verdadeira pandemia é de lucro, os enormes lucros destes mercenários da saúde.

Não nego as necessárias medidas de precaução que estão a ser tomadas pelos países.

Mas se a gripe porcina é uma pandemia tão terrível como anunciam os meios de
comunicação...

Se a Organização Mundial de Saúde (conduzida pela chinesa Margaret Chan) se
preocupa tanto com esta enfermidade, por que não a declara como um problema de
saúde pública mundial e autoriza a
fabricação de medicamentos genéricos para combatê-la?

Prescindir das patentes da Roche e Relenza e distribuir medicamentos genéricos
gratuitos a todos os países, especialmente os pobres. Essa seria a melhor solução.

PASSEM ESTA MENSAGEM POR TODOS LADOS, COMO SE TRATASSE DE UMA VACINA, PARA QUE
TODOS CONHEÇAM A REALIDADE DESTA "PANDEMIA"..


Pois os meios de comunicação naturalmente divulgam o que interessa aos
patrocinadores, não aos ouvintes e leitores.